CITROËN APOIA EDIÇÃO 2015 DO FESTIVAL VARILUX DE CINEMA FRANCÊS

Público brasileiro poderá assistir às novidades da produção cinematográfica francesa em mais de 50 cidades.  

A Citroën do Brasil é mais uma vez parceira do Festival Varilux de Cinema Francês, que vai até o dia 17 de junho em 80 cinemas de 50 cidades brasileiras. A edição deste ano tem como meta levar mais de 110 mil pessoas aos cinemas para assistir aos 16 filmes em cartaz. O Festival Varilux já se consolidou como o primeiro festival de cinema com abrangência nacional, fazendo parte do calendário cultural do Brasil. 

Como apoiadora, a Citroën vai disponibilizar seu último lançamento, o sedan C4 Lounge THP FLEX, para o traslado de equipe e artistas que serão recebidos em São Paulo e no Rio de Janeiro, para divulgar o Festival no País. Outros modelos como o DS 5, C3, C3 Picasso e a minivan Jumper também ajudam na logística do evento. “Apoiar o Festival de Cinema Francês é mais uma iniciativa da Citroën do Brasil para incentivar os programas culturais no país. Está no DNA da marca ir além do mundo automobilístico e promover às pessoas ricas experiências entre as diversas linguagens da arte”, destaca Laurent Barria, diretor de Marketing da Citroën do Brasil.

 

O grande destaque da edição 2015 do Varilux é o filme de abertura do festival de Cannes: "De cabeça erguida", com Catherine Deneuve e Benoît Magimel. Na programação, também estão confirmados a comédia “Que mal eu fiz a Deus?, de Philippe de Chauveron, fenômeno de bilheteria na França em 2014 com mais de 15 milhões de espectadores; “Gemma Bovery – A vida imita a arte”, de Anne Fontaine, uma divagação contemporânea sobre o romance Madame Bovary; "Papa ou Maman", de Martin Bourboulon, comédia politicamente incorreta sobre um divórcio à francesa; e "Astérix e o Domínio dos Deuses", de Louis Clichy, primeira animação em computação gráfica e 3D baseada em histórias em quadrinhos.

 

O evento conta também com as atividades paralelas, como Oficina Franco-Brasileira de Roteiros, que neste ano vai para sua quarta edição, com apoio direto da Riofilme e ABPITV, exibições ao ar livre e gratuitas na concha acústica da UERJ, sessões populares distribuídas por diferentes espaços alternativos do Rio de Janeiro, e ação educativa que levará exibições gratuitas para escolas em mais de 15 cidades. O clássico francês escolhido para a edição deste ano é o “O Homem do Rio”, de Philippe de Broca, lançado em 1964, com Jean-Paul Belmondo e Françoise d'Orléac.

 

A programação completa está disponível no site http://variluxcinefrances.com/

Top